MACAÍBA

# PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS, COM 70 BLOGS E MAIS DE 4 MIL LINKS – STPM JOTA MARIA, JOTAEMESHON, JULLYETTH, JÚNIOR E JÚLIA – MOSSORÓ-RN

PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS
COM 70 BLOGS E MAIS DE 4 MIL LINKS - MOSSORÓ-RN

Quem sou eu

Minha foto
A CADA PASSO ENCONTRAMOS UMA CRIATURA QUE NECESSITA DE NOSSO AMPARO - STPM JOTA MARIA - MOSSORÓ-RN, 31 DE MARÇO DE 2014

BLOGS DO PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

sábado, 9 de setembro de 2017

FUTEBOL MACAIBENSE



O futebol do município de Macaíba é quase da mesma idade do futebol de Natal. Verdade é que na festa comemorativa do Centenário da Independência realizada em Macaíba em em 1922, já estava organizado o Jundiay Foot Bal Club, que participou das festividades.
    Por ordem cronológica, surgiram posteriormente os seguintes times:
1936 – Madureira  Futebol Clube: Fundado no distrito de Mangabeira em 1 de junho de 1936 por Tomás de Aquino e outros desportistas.
   1937 – Cruzeiro Futebol Club: Surgiu em de outubro de 1937, graças ao concurso de Nestor Lima, Gustavo Lima, Aguinaldo Ferreira da Silva, Manoel Samuel de Araújo, Antonio Lucas de Lima, Francisco Falcão Freire, Vivente Inácio, Luiz Inácio, Luiz Cassimiro de Araújo, Sebastião Rangel, Vivaldo Cassimiro de Araújo e Romão Bezerra de Azevedo.
    Quando foi prefeito da cidade, o Dr. José Jorge Maciel construiu e inaugurou o Estádio do Cruzeiro em torno de uns Cr$ 6.000,000,00 (seis milhões de Cruzeiros).
    1944 – Humaitá Futebol Clube: Surgiu em 1944, sendo seus fundadores Amâncio Leite Ramalho, Severino Correia e outros.
     1946  - Rio Branco Futebol Clube: Foi fundado em 10 de dezembro de 1946 por Manoel Domingos da Silva, Louro  Cabral, Valdomiro Vieira da Silva, José Félix Barbosa, José Damasceno de Lima e outros.
    Sua sede fica à rua Capitão José Lourenço, a sapataria de Manoel Domingos e atualmente está ocupado pelo açougue.
    Posteriormente, comprou por dois mil réis a sua atual sede situada à Rua Prudente de MORAIS.
    1936 – Fluminense Futebol Clube: Originou-se em 24 de junho de 1960, fundado por Geraldo Tavares da Silva e José Gomes da Silva.
   1961 – Santa Cruz Futebol Clube: Afonso, Edgar Dantas, José Félix Barbosa e outros fundaram-no em 12 de outubro de 1961
    Sua sede à rua Capitão José Lourenço.
    1968 – Verdes Mares Futebol Clube: Raimundo Paulino, Antonio MARCOLINO, Valdomiro Vieira e outros fundaram este sodalício em 13 de maio de 1966. Sua sede fica à Rua Olimpio Maciel.
1979 – Associação Esportiva e Cultural Olímpica: Fundada por Wilson Gonçalves Bezerra e outros em 1 de janeiro de 1979, com sede à rua Heráclito Vilar.
   Para coordenar a vida esportiva da cidade, um grupo de desportistas, liderado por Valério Alfredo Mesquita, fundou a Liga Macaibense de Desportos em 15 de novembro de 1962.
   Esta entidade promove futebol de campo e de salão, natação e outras práticas esportivas, despontando à famosa. Corrida pedestre “Augusto Severo”, maior competição de Gênero no Estado.
FONTE – LIVRO MACAÍBA

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

ARTESÃOS DE MACAÍBA

Os artesãos de Macaíba mais uma vez estão participando da Multifeira Brasil Mostra Brasil, que está sendo realizada na Arena das Dunas, em Natal, desde o dia 1º de setembro.
O estande “Macaíba com Arte” está abrigando a produção dos artesãos do município, composta por artes sacras, bonecas de pano, chaveiros entre outros materiais.
O prefeito Fernando Cunha prestigiou o estande macaibense na tarde de ontem (05). Mais de 50 usuários do Centro de Convivência de Idosos do município também prestigiaram o evento, que será realizado até o dia 10 de setembro no local, de domingo a quinta, das 16h às 22h e sexta e sábado, das 16h às 23h

sábado, 4 de março de 2017

ROMÃO BEZERRA DE AZEVEDO




Filho de Pedro Bezerra de Azevedo e Ana Bezerra de Azevedo, “seu” Romão nasceu no dia 15 de novembro de 1914, na Fazenda Rosário, em Santana do Matos. Certa vez revelou que, por conta de ter nascido nesta data histórica, por pouco não foi batizado com o nome de Deodoro da Fonseca. É que sua mãe tinha que cumprir uma promessa religiosa e batizar seus três filhos com o nome do padre Cícero Romão Batista. E, assim, foram batizados os irmãos: Cícero, Romão e Batista. O primeiro e o último também já são falecidos.
“Seu” Romão residia em Macaíba há mais de 80 anos. Chegara à terra de Augusto Severo quando tinha 14 anos, nos idos de 1928, para trabalhar numa sapataria do seu cunhado, Manoel Rodrigues de Oliveira. “Na época, era a única que tinha vidraças”, lembrou, certa vez.

Também gerenciou a loja do ex-prefeito Luiz Cúrcio Marinho por 90 dias, quando este teve que viajar para Garanhus/PE, para tratar de problemas de saúde, em meados dos anos de 1940.

Nos principais eventos sociais da cidade, sempre foi presença marcante. Como exemplo, foi um dos fundadores do Cruzeiro Futebol Clube, em 8 de outubro de 1937, ao lado de Nestor Lima, Gustavo Lima, Aguinaldo Ferreira da Silva, Manoel Samuel de Araújo, Antônio Lucas de Lima, Francisco Falcão Freire, Vicente Inácio, Luiz Inácio, Sebastião Rangel, Luiz e Vivaldo Cassimiro de Araújo.

Além disso, Romão Bezerra também foi juiz de paz e tesoureiro do Sindicato do Comércio Varejista, nos anos de 1940; presidente de mesa das eleições históricas de Macaíba, por quatro vezes; sócio fundador do Pax Clube, do Tiro de Guerra n.º 315 e fundador do Rinhadeiro de Macaíba, na década de 1950.

“Tenho uma ficha de serviços prestados a Macaíba, que poucos filhos dela têm”, disse “seu” Romão, em entrevista para o extinto jornal O Grande Natal, de 5 de dezembro de 1999.

Após dois anos de namoro, em 4 de fevereiro de 1940, casou-se com a professora Enedina Augusta de Albuquerque. Da união amorosa, nasceram os filhos: Dilma, Dilson, Edilson e Romeu. O terceiro filho, Edilson, falecido em 1995, vítima de atropelamento em frente à sua casa, na Rua Dona Emília, foi homenageado pelo então prefeito Luiz Gonzaga Soares, em 25 de setembro de 1998, que denominou o ginásio poliesportivo de Macaíba de “Edilson de Albuquerque Bezerra”, por este ter sido um jogador de futebol de destaque da sua geração.

Seu filho caçula, Romeu, foi candidato a prefeito pelo PT, em 1988, e demarcou espaço na política local, sendo também um dos idealizadores do informativo satírico Folhetim (1983-1989).

Romão dedicou mais de 40 anos de sua vida ao comércio de cereais e ração animal. Embora tivesse relutado em não aceitar o reconhecimento por seus serviços prestados à cidade, através de um Título de Cidadão Macaibense, a honraria só lhe foi outorgada em 2002, através de proposição do então vereador João Marques Lino da Silva.

Aposentado há vários anos, “seu” Romão gostava da vida no campo, embora residisse no centro de Macaíba. “Ele gostava de lidar com gado”, disse Marcelo Augusto.

Faleceu no dia  31 de dezembro de 2012.No enterro de Romão Bezerra, estiveram presentes: a prefeita Marília Pereira Dias, vereador Francisco Maia, ex-vereador Chico Cobra, jornalista Osair Vasconcelos, familiares e amigos. Ele deixou um filho, quatro netos e nove bisnetos
FONTE – BLOG MACAÍBA

BLOGS RN